Falou em luta…

Trago esse tema que me tocou na última semana.

Antes de ler, é interessante saber do que se trata no link a seguir: http://www1.folha.uol.com.br/mundo/2016/01/1729773-julgamento-de-fisico-so-serviu-para-justificar-prisao-diz-seu-advogado.shtml

De um lado, vi muita gente defendendo a posição da imprensa que reproduziu uma versão oficial dando conta que o personagem citado na reportagem linkada é um terrorista. De outro, colegas deles que destacam a versão de que não há elementos suficientes a se chegar a um tal vaticínio. Mesmo a acusação a que foi condenado não dizia respeito a esse crime.

Cheguei a conversar com algumas pessoas sobre o assunto e a posição deles defendia a versão oficial, assumindo como perigoso o fato da relação do pesquisador com jihadistas.

A minha reflexão vai no sentido de entender todo esse fenômeno do ponto de vista da democracia como modo de vida. A gente sabe que a conversão dos muçulmanos à ideia da democracia ainda está longe de acontecer, e preocupa a postura de alguns deles em relação às mulheres nos recentes episódios na Europa, mas no caso em apreço, além do aspecto meramente jurídico e oficial, que não se confunde com a discussão sobre multiculturalismo, não está em questão as relações humanas? Ou seja, em que medida, ao abraçarmos a luta contra o terrorismo, não estamos já fazendo guerra? Ou, ao associarmos a luta contra o terrorismo com a denúncia do atual governo não estamos reproduzindo um modus operandi não democrático de desconsiderar a possibilidade de transformação das pessoas na relação.

Antes da pessoa ser muçulmana ou outra coisa qualquer, ela é uma pessoa e, portanto, sujeita a se modificar na relação. Ou não?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s